A dieta para idosos deve ser balanceada para proporcionar um ótimo estado nutricional, prevenindo ou tratando disfunções orgânicas e problemas de saúde. Para isso, todos os nutrientes devem ser ingeridos e a alimentação deve estar adequada quantitativa e qualitativamente.
Algumas regras básicas para se obter uma nutrição completa, elaboradas pelos departamentos de agricultura e de saúde e serviços humanos dos EUA, em 1990, são listadas abaixo e devem ser aplicadas para pessoas de qualquer idade:

– Comer uma variedades de alimentos, para obter energia, proteínas, vitaminas, minerais e fibras necessários a uma boa saúde;
– Manter um peso saudável, para evitar riscos de se desenvolver pressão alta, doenças cardíacas, infarto, alguns tipos de canceres e diabetes.
– Ter uma dieta pobre em gordura saturada e colesterol, para reduzir os riscos de se desenvolver doenças cardiovasculares e alguns tipos de canceres;
– Consumir grande quantidade de vegetais, frutas e grãos, que proporcionam vitaminas, minerais, fibras e carboidratos complexos e ainda podem ajudar a limitar o consumo de gorduras;
– Ingerir açúcar e doces com moderação, pois são ricos em calorias e pobre em nutrientes;
– Moderar o consumo de sal e sódio, para reduzir os riscos de se desenvolver hipertensão;
– Se consumir bebidas alcoólicas, fazê-lo com moderação, pois elas podem proporcionar calorias, mas são pobres em nutrientes e podem causar efeitos indesejáveis ao organismo.

Para se elaborar um plano alimentar adequado, convém utilizar as orientações alimentares contidas no esquema da pirâmide alimentar, também elaboradas pelos departamentos de agricultura e de saúde e serviços humanos dos EUA, que garantirão a ingestão de uma dieta segura e adequada em nutrientes.

Compartilhar: